Homoafetividade e Direitos LGBTI - por Dra. Maria Berenice Dias



Autoria: Dra. Maria Berenice Dias 
Ex-Desembargadora e uma das pioneiras na criação de 
jurisprudência no campo do Direito Homoafetivo


A realidade da vida está em constante mutação e a justiça tem que acompanhá-la!

Talvez não haja tema em que esta verdade seja mais aparente do que os direitos da população LGBTI;

Quer em face do enorme preconceito de que tais pessoas são vítimas, quer pela perversa omissão do legislador, é a jurisprudência a grande artífice no reconhecimento do direito homoafetivo;

Os avanços são mais do que significativos, o que sensibiliza o poder público e a iniciativa privada a reconhecer direitos mesmo sem o referendo legal;

Este é razão da 7ª edição desta que foi a primeira obra jurídica que buscou a tutela jurídica do amor que ousa dizer o seu nome;

Diante da inércia legislativa é indispensável saber os avanços significativos que vem ocorrendo;

Não há outra forma de trabalhar com este novo ramo do direito.

Clique aqui e adquira já o seu com o desconto de pré-venda!


Comentários