Claudio Pfeil: Paris nunca esteve tão próxima!

Por Sergio Viula

Uma noite parisiense no inverno carioca


Foi ontem, último dia de junho. Claudio Pfeil, meu querido ex-professor de filosofia, que me conduziu por campos como o da fenomenologia e me aprofundou no caleidoscópio sartreano de ideias sobre a liberdade humana, fez um pocket show no Zack’s Bar de Botafogo, ao lado do Centro Empresarial Rio.


Conheça o perfil deles no FB: https://www.facebook.com/ZacksBotafogo


Cantando todas as canções no mais charmoso francês, esse carioca que obteve seu grau de mestre em filosofia na Sorbonne e voltou posteriormente para reconciliar seu amor por Sartre com sua (então) recente paixão por Lacan, encantou uma plateia atenta e entusiasmada que lotava o bar-restaurante-hamburgueria bem em frente à nostálgica Praia de Botafogo.




Claudio Pfeil cantando e Cleo Boechat no teclado


Andre ainda não conhecia Claudio e nem seu amor, o charmoso e atencioso Márcio, mas ficou positivamente impressionado com tudo que viu. É tímido, mas observa muito. Quando voltamos para casa, só falávamos no espetáculo que foi tudo o que vimos. Quando fomos para a cama, peguei o livro Diário de um Analisando em Paris e li as duas primeiras páginas.


Andre e eu ainda bebendo do lado de fora. 
Depois, sentamos ao lado do palco. Uhu!!!


Essa foto não teve qualquer retoque ou filtro. Esse aspecto foi graças à iluminação, ângulo e sorte... hehehehe Estávamos ao lado do palco, juntinho do querido Pfeil.


Além de rever o casal amigo, pude conhecer a linda mãe de Claudio e conhecer pessoalmente Marcella Carvalho, uma gaúcha linda e super simpática que até então eu só conhecia pelo Facebook. 

Obrigado, Marcella pelo carinho de falar comigo no meio de tanta gente, movimento e luzes estonteantes. Fico perdidinho... kkkk Andre também adorou te conhecer. As palavras-chave foram "linda", "simpática", "charmosa". J




Unanimidade para quem leu: Fan-tástico!


Mas o filósofo, cantor, psicanalista – não necessariamente nessa ordem – veio a ser escritor também.

Sem qualquer pretensão maior, Claudio decidiu escreveu um diário com suas impressões, pensamentos ou sentimentos enquanto estava em Paris e fazia análise concomitantemente com a especialização em Psicanálise. 

Tudo começou com e-mails que ele enviava para o Márcio, depois transformados em Blog, os realizaram o seu devir-livro em grande estilo. Três edições e com fôlego total não é para qualquer um, não. ^^ Recomendo a leitura sem quaisquer ressalvas. É deliciosa da capa à contracapa. 


E veja só, ao abrir o meu exemplar, comprado na Livraria Travessa de Ipanema no dia do seu lançamento, reli a dedicatória que Claudio tão carinhosamente escreveu para mim. 

Pasmem, até a consagradíssima atriz Rosa Maria Murtinho estava na fila para um autógrafo. Fiquei impressionado. Ela acabara de atuar como mãe da Bárbara Paz e sogra do Mateus Solano na novela Amor à Vida. 

Rosa Maria Murtinho

Pois bem, o que eu estava dizendo é que Claudio escreveu uma linda dedicatória sem esquecer de registrar a data. Quando olhei o dia, descobri mais um “tesourinho” (quem ler o livro vai entender o por quê do termo). Era dia 07/02/2014 – o mesmo dia em que dois anos mais tarde eu conheceria Andre e começaria um relacionamento amoroso que culminaria em casamento  mais uma gostosa coincidência nesse constante devir que é a existência humana.


Adquira o seu aqui:  Saraiva  -  Cultura  -  Travessa 


Feliz aniversário, amigão!



Aniversário celebrado aqui no Blog Fora do Armário 
tem que ter arco-íris... 

Parabéns, Pfeil!!!



E já que hoje é aniversário de Claudio Pfeil e que, graças a ele, viramos de 30 junho para 01 de julho au son de ses chansons d'amour, quero registrar aqui juntamente com Andre, meu amor, nossos mais sinceros votos de felicidade, paz, amor, prosperidade e vida longa para desfrutar de tudo isso. Nesse voto, incluímos Márcio, o amor de Claudio, esse homem lindo que tem feito aquele homem lindo mais feliz em todos os [cinco] sentidos. J




Márcio (esquerda) e Claudio




Claudio Pfeil - fotos por Sergio Viula - montagem por Andre Dias.  :)

Comentários

  1. Sérgio Viula

    Conhecendo a qualidade de seu trabalho, é uma honra tê-lo como leitor e ouvinte. Conhecendo sua qualidade de ser humano, é uma alegria redobrada poder contar com sua amizade e afeto. Agradeço-lhe a gentileza, a arte das imagens, e a fecundidade de seu texto.

    Claudio Pfeil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido Claudio,

      Vc merece cada gesto de carinho recebido. Muito obrigado pelo comentário. É carinho devolvido. ^^

      Abraços,
      Sergio Viula

      Excluir
  2. Querido Viula,

    Muitíssimo obrigado pela presença e pelas palavras tão generosas.
    Foi um prazer revê-lo e conhecer o Andre.
    Espero reencontrá-los em breve.
    Grande beijo no coração.

    Marcio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal receber um comentário seu aqui. Muito obrigado mesmo.

      Foi muito bom ver você e o Pfeil. Vcs são uma dupla dinâmica mesmo.

      Andre adorou vc e Pfeil tb.

      Vamos nos ver, sim.

      Beijos, querido.

      Sergio

      Excluir

Postar um comentário

Deixe suas impressões sobre este post aqui. Fique à vontade para dizer o que pensar. Todos os comentários serão lidos, respondidos e publicados, exceto quando estimularem preconceito ou fizerem pouco caso do sofrimento humano.