Retrospectiva Fora do Armário 2015: Lembrar é preciso. ;)


Quem esquece, repete os erros. 
Para quê, se podemos cometer erros totalmente novos? kkk

Mas, falando sério, lembrar é também empoderar-se.




Esse ano de 2015 foi bastante conturbado, mas frutífero. Alegrias e tristezas se intercalaram, mas fomos dando o nosso jeito para vivermos um dia de cada vez e superarmos as dificuldades. Criatividade não nos falta, não é, amigues? ;)


Nesse post, quero enumerar alguns dos acontecimentos desse ano. Todos eles estão circunscritos ao Brasil e têm algo a ver com a comunidade LGBT. Alguns dos acontecimentos listados foram de ordem pessoal, mas - é sempre bom lembrar - esse blog é também um diário de Sergio Viula. Então, lá vai. ;)






Na primeira semana de 2015, lancei  O homem que amava mendigos  pelo Amazon. Trata-se de um romance protagonizado por um homem rico e poderoso, mas mal resolvido sexualmente, que terá a oportunidade de descobrir alegrias nunca vivenciadas, apesar de toda grandeza que o cerca. A história é cheia de encontros inusitados. Confira.




Uma notícia sempre aterradora é aquela que fala sobre a LGBTfobia no nosso país. 



Em janeiro de 2015, o Grupo Gay da Bahia (GGB) divulgou seu Relatório Anual de  Assassinatos de Homossexuais no Brasil relativo a 2014. Foram documentados 326 mortes de gays,travestis e lésbicas no Brasil, incluindo 9 suicídios. Um assassinato a cada 27 horas. Um aumento de 4,1 % em relação ao ano anterior (313).





Durante o carnaval, participei do 24º Encontro da Nova Consciência. Foi em Campina Grande (PB). O tema sobre o qual falei no encontro da sexodiversidade foi "Tratar o desejo é possível?".  O tema ainda reverberava na mente de todos, graças às pressões fundamentalistas para re-patologizar a homossexualidade. Felizmente, perderam. O evento nos proporcionou momentos de informação, com o suporte de uma apresentação em powerpoint, perguntas e respostas, assim como encontros inusitados.







No dia 22 de fevereiro, tive o privilégio de ser entrevistado por Ellen Page (a Shadowcat de X-Men). A entrevista era parte da produção de um programa que deverá ir ao ar em janeiro de 2016. Não posso comentar muito. Solicitaram sigilo, mas posso dizer que foram momentos mágicos. Mais de três horas de entrevista em inglês... O programa deverá ser apresentado nos EUA, Canadá, Inglaterra, etc.






No dia 29 de Março o [SSEX BBOX], em parceria com o SESC, realizou seu segundo evento do circuito em 2015. Foi exibido o curta [SSEX BBOX] EPISÓDIO #3, seguido de debate sobre Cultura, Religião e Sexualidade. Participaram desse evento: Tatiana Lionço, Sergio Viula, e Virginia de Medeiros. A mediação foi por conta de Ana Ferri. Inesquecível!





Em março, o ex-presidenciável Levy Fidelix foi condenado a pagar R$1.000.000,00 por danos morais contra a sociedade LGBT. A decisão da justiça determinava que o valor fosse revertido para ações de promoção de igualdade da população LGBT, conforme definição do Conselho Nacional de Combate à Discriminação LGBT. 


PROCESSO: 1098711-29.2014.8.26.0100

18ª Vara Cível - Foro Central Cível
JUIZA: Flavia Poyares Miranda





No dia 05 de março, o Supremo Tribunal Federal manteve a decisão que autorizou a adoção de crianças por um casal homoafetivo, reforçando a isonomia conjugal, independentemente do gênero dos parceiros. Na decisão, a ministra argumentou que o conceito de família não pode ser restrito por se tratar de casais homoafetivos e que o conceito de família, com regras de visibilidade, continuidade e durabilidade, também pode ser aplicado a pessoas do mesmo sexo. Vitória da cidadania e um futuro melhor para essa criança e muitas outras que ainda serão adotadas por pais e mães amorosos.





No dia 31 de março, a Editora Metanoia, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura do Rio de Janeiro, lançou um edital para a composição de um livro de contos e outro de poesia em comemoração aos 450 anos do Rio. O nome da publicação foi "Um Rio de Cores". Tive a alegria de ver meu conto ("Ocaso") publicado. Minha irmã Kátia Viula também teve duas poesias. Por causa desse lançamento, vários eventos foram realizados na Cidade Maravilhosa para a divulgação desse material. Todos os que compareceram receberam seus exemplares gratuitamente. É a cultura da celebração da diversidade avançando, apesar de tanta obscuridade por parte de alguns. Eu estive na Arena Dicró e amei tudo o que vi. Parabéns aos realizadores.





Em abril, um caso chocante de completa violação dos direitos humanos foi tristemente testemunhado pelo Brasil. Verônica Bolina, que havia agredido uma senhora num surto psicótico, foi detida, levada para um presídio e desfigurada pelos que deveriam apenas detê-la até que a Justiça se pronunciasse sobre o caso.




Verônica errou gravemente, mas o que lhe fizeram deveria levar todos os envolvidos à imediata demissão. O Brasil tem leis duras contra a tortura, mas o fato de ser travesti parece ter embaçado a visão de muita gente para a gravidade da violação. Ainda espero um desfecho mais justo para esse caso.





Em maio, foi realizado o 12º Seminário LGBT no Congresso Nacional. Capitaneado pelo Deputado Federal Jean Wyllys, que contou com apoio de Erika Kokay e outros parceiros, o seminário fez história. Daniela Mercury e sua esposa também participaram. 






No dia 31 de maio, enquanto eu voava para São Paulo, tive a grata surpresa de encontrar a 158ª edição da revista GOL e ler relatos belíssimos de famílias formadas por dois pais, duas mães, só avós, etc. A matéria tinha a ver com o mês das mães. Foi inspirador. Escrevi sobre a experiência e enviei para a empresa reforçando a bela atitude deles. 






O mês dos namorados (junho) foi um tempo de fortes emoções. Graças ao falastrão do Silas Malafaia, a empresa O Boticário ganhou ainda mais visibilidade para sua campanha publicitária. A propaganda veiculada em horário nobre na TV mostrava três casais trocando presentes: um casal misto, um casal de mulheres e um casal de homens. A propaganda, que foi feita com muito bom gosto, foi alvo dos impropérios do fanático homofóbico. Muita gente apoiou o Boticário e empresa acabou vendendo 30% mais que na campanha anterior.

O Blog Fora do Armário também entrou na "briga" e lançou a campanha "Mostre que Você Apoia o Boticário", solicitando que as pessoas enviassem fotos de momentos em que estivessem comprando os produtos ou simplesmente com algum produto O Boticário que já tivessem em casa. O resultado foi enviado para a empresa, que deu essa linda resposta:http://www.foradoarmario.net/2015/06/a-linda-resposta-de-o-boticario.html






No dia 25 de junho, a lei estadual que proibia a discriminação sexual, que havia sido derrubada por uma manobra conservadora-fundamentalista, foi devidamente restabelecida. O estado do Rio de Janeiro continua proibindo e punindo a discriminação sexual nos estabelecimentos comerciais e outros espaços públicos. 






No dia 01 de julho, a Coordenadoria da Diversidade Sexual da Cidade do Rio de Janeiro lançou sua campanha anual contra o preconceito com um festa linda no Circo Voador. Fiquei muito bem impressionado com tudo o que vi. É bom ver o poder público promovendo ações afirmativas.






Olha que coisa mais divertida. No dia 24 (logo 24!!!) de junho, o livro Em Busca de Mim Mesmo teve sua tiragem esgotada. Agora, o livro só se encontra no formato e-book. Confira no Amazon. Não haverá nova tiragem. Quando você tiver lido vai compreender por que, uma vez começada a leitura,  as pessoas não conseguem parar mais de ler.






Aqui no Blog Fora do Armário, uma entrevista que deu o que falar foi a do jovem ex-testemunha-de-jeová que saiu do armário. Quem tiver interesse em saber mais, pode acessá-la aqui: 

A organização da testemunhas de jeová (Sociedade Torre de Vigia) é uma das mais cruéis para com pessoas LGBT no segmento religioso.







A lindíssima Viviany Belaboni fez manchetes! Ela conseguiu fazer a melhor e mais poderosa performance já realizada em todas as paradas LGBT do Brasil. A apresentação foi feita na maior de todas as paradas LGBT do país - na de São Paulo. Tive o privilégio de estar à mesma mesa que Viviany no [SSEX BBOX], mas antes disso, eu já tinha escrito um texto intitulado "Coando um mosquito e engolindo um camelo", que considero ainda muito interessante e cuja leitura recomendo aqui também. 






Em agosto, os assassinos de Lucas Fortuna foram finalmente sentenciados. O pai dele, Avelino Fortuna, foi incansável na luta para não deixar que o caso caísse no esquecimento. Estive em algumas manifestações e chego a me emocionar novamente só em dar essa nota aqui. Continuemos lutando para que ninguém mais morra nesse país por causa de LGBTfobia.






Em setembro, o Brasil teve o privilégio de receber Judith Butler, a maior referência em discussões sobre performance de gênero. Butler falou na Universidade Federal da Bahia e também no I Seminário Queer, SESC-SP: https://www.youtube.com/watch?v=S7g22OlSFK4 Ouvi todas as palestras desse seminário. Material de primeira. Tudo disponível no YouTube.




O internauta que ameaçou o deputado Jean Wyllys de morte e ainda espalhou calúnias sobre ele na internet foi condenado. Ao contrário do que muitos possam pensar, Jean foi inteligente e não pediu que ele fosse aprisionado, mas que prestasse serviços a uma organização de promoção dos direitos LGBT. Quem sabe assim ele aprende, né? 






No dia 18 de setembro, tive o privilégio de participar de um evento na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, intitulado "Sexualidade Diversa: Vamos conversar sobre a influência da religião dentro da sala de aula?" Foi um evento marcante. Auditório lotado e atento. Parabéns ao Welbert de Souza Cabral e equipe.






Na vida particular, foi um ano de começar e de terminar  um relacionamento amoroso. Na verdade, ser terminado. (hehehe) A vida é assim mesmo: começo, meio e fim. Algumas coisas, porém, chegam ao fim depois de um meio bem curtinho. ^^  Sem ressentimentos. Fiquei muito feliz quando Marcos me ligou para dizer que tinha passado num programa de mestrado com residência e bolsa para dedicação exclusiva. Fiquei feliz, porque fui um incentivador para que ele se inscrevesse. Sabia que ele tinha todas as condições para vencer essa. Ficou em terceiro lugar! Arrasa, bunyto!






Em outubro, também coloquei no Amazon o livro "Memórias eróticas de um menino gay". Trata-se de uma série de historietas com episódios picantes e até divertidos. Todos vividos durante minha adolescência. Histórias reais... ^^







Foi ainda em outubro que fiz aqui, no Blog Fora do Armário, uma chamada para a campanha Eu sem Camisa, promovida por Di Santos. Tratava-se de uma ação de crowdfunding para que ele (um homem trans) pudesse fazer uma mamoplastia modeladora. Ele recebeu ajuda de várias pessoas, mas o valor ainda não foi atingido. Você também pode ajudar. Saiba mais aqui: http://www.foradoarmario.net/2015/10/eu-sem-camisa-di-santos-um-homem.html







Também em outubro, a Universidade Federal de Pernambuco deu um show de cidadania e inclusão das pessoas trans ao lançar uma campanha para que os alunos/alunas que fossem trans solicitassem o uso do nome social para todos os fins dentro da universidade. A campanha chamou atenção e fortaleceu a autoestima desses alunos/alunas e tomara que tenha servido de inspiração para outras instituições






Em novembro o [SSEX BBOX] e o Mix Brasil realizaram a 1ª Conferência Internacional [SSEX BBOX] em São Paulo. Foi extraordinário! Gente como Buck Angel, João Nery, Carol Queen, Daniela Sea, Viviany Belaboni, Tatiana  Lionço, Indianara, entre outras estrelas da diversidade sexual e de gênero estiveram presentes. No último dia, pude participar de uma mesa e garanto: quem esteve lá entre os dias 17 e 22 de novembro voltou cheio/cheia de coisas boas na bagagem existencial. Devido ao trabalho, só pude chegar no dia 21, mas minha irmã Katia Viula esteve lá do início ao fim e amou o evento! Não perca os próximos eventos. Visite www.ssexbbox.com.






Não pude deixar de rir quando soube que Marisa Lobo, fundamentalista LGBTfóbica, teve suas contas de campanha eleitoral reprovadas pelo TRE. Como me divirto quando moralistas como ela revelam-se tão pouco ético$: http://www.foradoarmario.net/2015/11/marisa-lobo-tem-contas-de-campanha.html







Em novembro, também foi realizada a 3ª Conferência LGBT no Estado do Rio de Janeiro. Essa é sempre uma etapa importante para as políticas públicas em nível local e nacional.








Dezembro já começou com muito amor no ar! O Rio de Janeiro realizou sua 6ª Cerimônia Coletiva de Casamento Homoafetivo, com 185 casais no Tijuca Tênis Club. Foi um sucesso total! A cerimônia foi promovida pelo programa estadual Rio sem Homofobia.







Um livro que deu o que falar esse ano - e que foi lançado no Brasil em dezembro - foi "Este livro é gay... e hétero, e trans, e bi...", escrito por James Dawson. Comprei um na Livraria Cultura, li-o todo e gostei tanto que fiz um vídeo e e ainda escrevi para o autor e para as editoras dele no Brasil e no Reino Unido. 






Dawson está fazendo uma transição do masculino para o feminino nesse momento e deverá se apresentar de outra maneira no próximo ano. As editoras responderam com satisfação e gratidão. Recomendo esse livro dele, especialmente para os jovens. Saiba mais aqui: http://www.foradoarmario.net/2015/12/james-dawson-em-transicao-este-livro-e.html 





Para fechar, gostaria de falar de três memórias pessoais.

A primeira foi ter passado para o programa de mestrado da UERJ e começado no primeiro semestre de 2015. Isso me deixou muito feliz, apesar de me acrescentar muitas novas responsabilidades. 








A segunda foi meu recesso em João Pessoa (PB). Descanso necessário. Foi simplesmente MARA (!!!), especialmente graças a meus primos e a um grande amigo meu, Edivan. Esses lindos tornaram tudo ainda mais mágico!








E a terceira foi o aniversário de 21 anos do meu filho mais novo. Pois é, agora, tenho dois filhos em maioridade plena (estou velhaaaa!!!): Larissa, com 23, e Isaac, com 21, completos nesse dia 29 de dezembro. Não fizemos uma festa no sentido pleno do termo. Foi um encontro muito simples. Mas, ele mesmo disse que foi muito especial e isso nos deixou muito felizes. Tomei a iniciativa de fazer uma singela homenagem em vídeo. Você poderá assisti-la aqui e conhecer um pouco sobre nossa família: https://www.youtube.com/watch?v=I82GIE38n5M



O que mais poderia dizer? 

Que venha 2016, trazendo muitas alegrias, vitórias para a diversidade e para a liberdade de ser e de viver plenamente. 



O Blog Fora do Armário, na pessoa de seu administrador, Sergio Viula, deseja a todos e todas um 2016 repleto de coisas boas, pontilhado de pessoas fantásticas (preferencialmente, ficando ^^) em sua vida, e recheado de conquistas que tornem a vida de cada um de seus leitores e leitoras ainda mais significativa e confortável.






Feliz ano novo! Muita purpurina e um lindo arco-íris colorindo sua vida e a dos seus queridos e queridas permanentemente!!!

Comentários