NOTÍCIA DA ÚLTIMA HORA: Assembleia estadual de Nova York aprova a proibição de “terapia” danosa para menores que alega muda-los de gays em heterossexuais





Tradução: Sergio Viula

NOTÍCIA DA ÚLTIMA HORA: Assembleia estadual de Nova York aprova a proibição de “terapia” danosa para menores que alega muda-los de gays em heterossexuais 


Defendida pela parlamentar Deborah Glick, a lei bane todos os esforços feitos por profissionais da saúde para mudar a orientação sexual ou a identidade de gênero de menores de idade, e torna a a tentativa de fazê-lo “má conduta profissional”.


A legislação, A04958, é um catálogo de declarações por mais de uma dúzia das maiores organizações médicas sobre os danos das terapias “de conversão”, “reparativas”, ou “ex-gays”, parte do que é chamado nos EUA, pelos grupos de “cura”, de SOCE (esforços para mudança da orientação sexual).


“Ser lésbica, gay, bissexual ou transgênero não é doença, desordem, enfermidade, deficiência ou falta”, afirma a legislação. “As maiores associações profissionais de profissionais de saúde mental e pesquisadores nos Estados Unidos têm reconhecido esse fato por aproximadamente 40 anos.”


Existe um projeto de lei equivalente no Senado do Estado de Nova York, apresentado por Brad Hoylman. O senador anteriormente nesse mês aproveitou a oportunidade que o presidente Barack Obama apresentou ao pedir que se proíbam as ‘terapias de conversão’ para menores, depois do suicídio de Leelah Alcorn, adolescente transgênero que foi constantemente rejeitada pelos pais e submetida a “tratamento”. A lei passou a ser chamada Leelah’s Law (Lei de Leelah).


O que mudou é nossa dinâmica política com o apoio do presidente ontem para com o banimento da licença estadual para a ‘terapia de conversão’, disse Hoylman, um democrata de Manhattan, ao  Capital New York mais cedo esse mês. “Estou esperançoso de que isso criará o ímpeto que de que precisamos para aprovar a lei.”


Ainda não se tem certeza se o projeto de lei será aprovado no Senado, e é incerto se o governador Cuomo assinará a lei.


Fonte: http://www.thenewcivilrightsmovement.com/davidbadash/breaking_new_york_state_assembly_passes_ban_on_ex_gay_therapy

Comentários