Nova técnica: estará uma cura para a AIDS mais próxima?



Cientistas “deletam” o virus HIV do DNA humano pela primeira vez


Baseado em artigo publicado por Ellie Zolfagharifard

Publicado em  22 July 2014 pelo Mail Online.



Adaptado por Sergio Viula para o blog Fora  do Armário



Uma vez que o HIV invada uma célula humana, ele ficará lá para sempre.


O vírus introduz seu genoma mortal permanentemente no DNA de suas vítimas, forçando-as a buscarem tratamento médico pelo resto da vida.


Mas agora, pela primeira vez, pesquisadores da Filadélfia encontraram um modo de deletar completamente o HIV das células humanas extraindo-os delas. O processo poderia curar outras infecções latentes também.

‘Esse é um passo importante no caminho para uma cura permanente para a AIDS.” – disse Kamel Khalili, PhD, Professor e Diretor do Departamento de Neurociência da Temple University School of Medicine.



COMO O PROCESSO FUNCIONA  



Os pesquisadores se basearam num sistema que evoluiu como um mecanismo de defesa bacteriana para proteger contra infecção. 


Quando empregado, uma combinação de enzima de extração do DNA, convoca uma fita de RNA (gRNA) que caça o genoma viral e remove o DNA do HIV-1. 


O laboratório do Dr Khalili's desenvolveu uma fita de gRNA com 20 nucleotídeos e os emparelhou com uma enzima de corte de DNA chamada Cas9 e usou-a para editar o genoma humano.


Daí, o gene da célula conserta a maquinaria, soldando as extremidades soltas do genoma de novo – o que resulta em células sem vírus. 


“Como o HIV-1 nunca é eliminado do sistema imunológico, a remoção do vírus é necessária para curar a doença” – explicou o Dr Khalili.


Essas ferramentas moleculares apontam para uma vacina terapêutica; células armadas com uma combinação da enzima nuclease e de RNA se mostraram impenetráveis pela infecção do HIV.


No mundo todo, mais de 33 milhões de pessoas têm o vírus HIV. Destes, mais de 1 milhão estão nos EUA. Desses 33 milhões, mais de 19 milhões não sabem que têm o vírus, de acordo com o mais recente relatório do UNaids.


“Queremos erradicar toda e qualquer cópia de HIV-1 do paciente. Isso curará a AIDS. Eu penso que essa tecnologia é o modo de conseguirmos fazer isso.”

------------------------------------
COMENTÁRIO DESTE BLOGUEIRO

 Previna-se, sendo ou não sendo soropositivo. Primeiro, porque não existe só HIV por aí. Segundo, porque se você não tem o vírus, continuará livre dele e se já o tem, evitará a re-contaminação e a infecção por outras doenças - o que complicaria muito o tratamento.


Use camisinha em todas as relações sexuais;

Nunca compartilhe agulhas;

Exija material esterilizado ou descartável de tatuadores e aplicadores de piercings.


Só não deixe de viver tudo o que há para viver! 

Comentários

  1. Eu estou feliz de compartilhar este testemunho ao mundo porque há muitas dúvidas sobre a cura do HIV / SIDA, meu Português não pode ser muito bom, mas eu tenho que passar a mensagem a milhões porque minha pesquisa mostram que muitos inocentes têm este vírus , agora eu creio que o milagre que eu recebi é útil para o mundo e vítimas da Aids Hiv que perderam a esperança. Meu nome é Joan Hubbell meu e-mail é joanhubbel@gmail.com o herbalista que me curou do vírus de e-mail é odincurahiv@gmail.com Eu vivi com esta doença mortal por mais de um ano, meu marido descobriu que nós éramos ambos HIV positivo quando ele foi testado positivo. Tentamos por todos os meios para viver nossas vidas usando drogas anti virais retro, apesar de esta coisa em nosso corpo que foram sempre infeliz, até que nós tropeçamos mediante esta poderosa herbalist que retratou a cura. No primeiro, ficamos em dúvida, mas meu marido insistiu em dar-lhe uma tentativa porque não estávamos confortáveis ​​com o uso de antivirais e pedir algumas das ervas enviados em para nós, e algumas semanas após a conclusão do processo, devido à herbalista ajuda, fomos para testar depois de tomar as ervas para algumas semanas, nós estavam cheios de alegria por causa dos resultados que recebemos do nosso médico de família. A taxa de vírus no organismo dentro de algumas semanas havia caído, fomos completamente curado. A fitoterapeuta explicou que ele não publicou para o mundo, porque ele tinha sido recusado muitas vezes depois de 2011, pela equipe de pesquisa internacional, porque ele usa um meio tradicional para curar pacientes. A coisa mais importante é para você ser curada e livre de o vírus mal, e-mail dele com isso também odincurahiv@outlook.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe suas impressões sobre este post aqui. Fique à vontade para dizer o que pensar. Todos os comentários serão lidos, respondidos e publicados, exceto quando estimularem preconceito ou fizerem pouco caso do sofrimento humano.