Tirinha: o crente fundamentalista e o casal gay


Comentários

  1. Muito bom! Do ponto de vista bíblico, julgar os outros é tão errado quanto transar fora do casamento e muitos crentes fazem isso, alguns na encolha, e continuam passando uma imagem de seres humanos justos, verdadeiros, cumpridores dos estatutos bíblicos. Assumir a sua orientação sexual e o seu relacionamento com o seu parceiro é muito mais ético do que ficar julgando o próximo, mas esses fundamentalistas que se veem acima do bem e do mal não percebem isso ou não querem perceber, porque é cômodo para eles.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe suas impressões sobre este post aqui. Fique à vontade para dizer o que pensar. Todos os comentários serão lidos, respondidos e publicados, exceto quando estimularem preconceito ou fizerem pouco caso do sofrimento humano.