Nigéria: Apedrejamento interrompe julgamento - duas violências contra homossexuais




Via Willian Souza pelo Facebook:


Bauchi (Nigéria): Ontem centenas de pessoas se amotinaram defronte a um Tribunal de Sharia no Norte da Nigéria e atiram pedras, interrompendo o julgamento de 11 homens acusados de pertencerem a uma organização gay . A multidão demandava celeridade do julgamento para que os “arguidos” fossem imediatamente sentenciados a pena de morte por apedrejamento conforme manda a lei da Sharia. A Policia teve que dispersar a multidão com tiros para o ar. O tumulto forçou o encerramento imediato do Tribunal e os os acusados foram reconduzidos às celas. Após a promulgação da lei anti-gay, várias pessoas tem sido presas e acusadas de "crime de homossexualidade" , ou de "promoção da homossexualidade". A Nigéria vive neste momento uma verdadeira caça às bruxas com maior incidência Norte dominado pelo Islão. fonte: Associated Press via Yahoo (AP)

Comentários