Assassinos homofóbicos vão a julgamento hoje (27/08/2013) - Caso Igor Xavier

HOMOFOBIA


Um gay é morto a cada 26 horas no país, segundo estudo realizado pelo Grupo Gay da Bahia (GGB) 

Número de assassinatos de homossexuais aumentou 27% no Brasil em apenas um ano


Igor Xavier foi assassindo com cinco tiros em Montes Claros


PUBLICADO EM 26/08/13 - 16h07
ALINE DINIZ/ ALINE LOURENÇO


Julgamento



Nesta terça-feira, um julgamento histórico será realizado no Fórum Lafayette, no Barro Preto, região Centro-Sul de Belo Horizonte. Os réus Ricardo Athayde Vasconcelos, de 58 anos, e seu filho, Diego Rodrigues, de 30, serão julgados pela morte do ator e bailarino gay Igor Leonardo Xavier, que foi morto dias antes de completar 30 anos, em março de 2002. Segundo as investigações, um dos acusados matou o bailarino porque teria "horror a homossexuais".


O julgamento dos réus Ricardo Athayde Vasconcelos, de 58 anos, e de seu filho, Diego Rodrigues, 30, acontece a partir desta terça-feira (27), no Fórum Lafayatte, na região Centro-Sul da capital mineira.


VEJA A MATÉRIA COMPLETA AQUI

Comentários