Rainha Elizabeth dá aprovação final à lei do casamento homossexual

Foto: Internet


17/07/2013 - 15h44

Rainha britânica dá aprovação final à lei do casamento homossexual


DA AFP


O Reino Unido aprovou oficialmente nesta quarta-feira (17) o casamento homossexual depois que a rainha da Inglaterra sancionou a lei aprovada anteriormente pela Câmara dos Lordes, informou o ministério da Cultura.

"É um momento histórico, que repercutirá na vida de muitas pessoas. Estou muito orgulhosa que o tenhamos tornado possível", afirmou a ministra da Cultura, Maria Miller, cuja pasta elaborou o texto.

Os primeiros casamentos só poderão ser realizados a partir do próximo ano porque o governo tem de resolver algumas questões administrativas, como o efeito sobre as pensões.

O texto, aprovado na terça-feira pelos deputados, foi impulsionado pelo primeiro-ministro britânico David Cameron, apesar da oposição dentro de seu próprio campo.

Os deputados decidiram não obstar uma série de emendas menores ao projeto de lei propostas pela Câmara dos Lordes, deixando livre, assim, o caminho para a regulamentação do casamento gay na Inglaterra e em Gales.

O texto quase não provocou debate na opinião pública, majoritariamente favorável, mas continua dividindo o Partido Conservador.

Para os britânicos, a mudança é principalmente simbólica, porque os casais gays têm os mesmos direitos de paternidade que os heterossexuais.

Eles também podem adotar crianças recorrendo à procriação medicamente assistida e a uma mãe de aluguel, desde que ela não seja remunerada.

Desde 2005 também existe a união civil entre pessoas do mesmo sexo.

Comentários

Postar um comentário

Deixe suas impressões sobre este post aqui. Fique à vontade para dizer o que pensar. Todos os comentários serão lidos, respondidos e publicados, exceto quando estimularem preconceito ou fizerem pouco caso do sofrimento humano.