EUA: cai lei que definia casamento como união entre homem e mulher apenas




  atualizado às 11h49

EUA: cai lei que definia casamento como união entre homem e mulher apenas




Ativista Vin Testa agita bandeira do movimento gay na frente do prédio da Suprema Corte americana, em Washington
Foto: AP


A Suprema Corte dos Estados Unidos derrubou nesta quarta-feira a lei federal que define o casamento apenas como uma união entre um homem e uma mulher. A decisão, tomada após uma reunião histórica em Washington, é uma grande vitória para os defensores do casamento entre pessoas do mesmo sexo.
A 'Defense of Marriage Act' (DOMA, Lei de Defesa do Casamento), que o tribunal considerou inconstitucional, negava aos casais do mesmo sexo nos Estados Unidos os mesmos direitos e benefícios garantidos aos casais heterossexuais. "DOMA é inconstitucional como a privação da liberdade igualitária das pessoas, que é protegida pela Quinta Emenda da Constituição", decidiu a Corte em uma votação com o placar de 5 a 4.
Obama comemora
O presidente Barack Obama comemorou a decisão da Suprema Corte. "A decisão de hoje sobre a DOMA é passo histórico", disse o líder em sua conta oficial do Twitter.

---------------------------------------------------
COMENTÁRIO DESTE BLOGUEIRO

Fiquei um dia fora da Internet e quando voltei o mundo tinha mudado para melhor! Os EUA, com uma longa história de embates entre os defensores da cidadania plena para todas as pessoas e os fanáticos e conservadores que adorariam levar a nação mais poderosa do mundo a ser novamente um reduto de preconceito e discriminação. Barack Obama tem feito muita coisa fantástica e já entra para a história. Parabéns aos americanos, especialmente aos LGBT que tanto lutaram por esse direito. Parabéns à Suprema Corte por desempenhar seu papel com fidelidade. 

Enquanto isso, no Brasil... Feliciano quer transformar os LGBT em doentes. Congresso Nacional, diga NÃO ao PDC 234/11 do Deputado João Campos. Enterrem essa vergonha de uma vez por todas. E comecem uma agenda positiva em favor dos cidadãos LGBT urgentemente.

Basta de ignorância, preconceito, má-fé e renegação de direitos básicos.

Conheça a história que chamou a atenção da Suprema Corte para a questão do casamento entre pessoas do mesmo sexo: http://noticias.terra.com.br/mundo/estados-unidos/historia-de-amor-motivou-decisao-do-supremo-dos-eua-sobre-uniao-gay,d58809a84728f310VgnCLD2000000dc6eb0aRCRD.html


Comentários