Grécia inclui identidade de gênero e orientação sexual em lei de crime de ódio



Identidade de gênero incluída em lei contra crime de ódio na Grécia

'Identidade de gênero' é nomeada pela primeira vez em lei grega. Pessoas transg~enero agora serão legalmente protegidas contra crimes de ódio
Traduzido por Sergio Viula
para o Blog Fora do Armário

Sugerido por 


'Identidade de gênero' foi nomeada pela primeira vez no sistema legal grego, como um grupo protegido pela legislação contra crimes de ódio.
A mudnaça no Artigo 66 das Emenda do Código Penal foi introduzia pelos Congressistas de oposição  Vassiliki Katrivanou e Aphrodite Stabouli, porta-voz do Syriza, a coalizão para a esquerda radical.
O Ministro da Justiça, Antonis Roupakiotis, aceitou a emenda, de modo que a legislação agora diz::
'Executar um ato motivado por ódio nacionalista, racial ou religioso, ou ódio devido à diferentes orientação sexual ou identidade de gênero contra a vítima, é considerado como uma circunstância agravante e a sentença não pode ser suspensa.'
O Grupo de Apoio aos Transgêneros Gregos disse que a emenda foi "uma primeira vitória para a comunidade trans".
O grupo fez a seguinte declaração:
'Além da legislação sobre crimes de ódio, acreditamos que esse dia seja muito importante para a comunidade trans grega, uma vez que é a primeira vez que o termo 'Identidade de Gênero' foi usado no contexto do Sistema Jurídico Grego e, portanto, consideramos esta uma primeira vitória da comunidade trans."

Comentários