Casamento homossexual aprovado pelo governo socialistas francês, podendo ser homologado a partir de janeiro de 2013

O Governo socialista francês aprovou neste 07 de novembro de 2012 a legislação sobre o casamento homossexual apesar das críticas da oposição conservadora e da Igreja Católica.



Casal homossexual beija-se durante a parada do Gay Pride 2011 na Praça da Bastilha em Paris
Fotografia © Reuters



Mesmo com as críticas de mais de mil presidentes de câmara franceses e da Igreja Católica, o projeto de lei que autoriza o casamento e a adoção a casais homossexuais foi hoje aprovado pelo Conselho de Ministros, devendo ser analisado no Parlamento a partir de janeiro de 2013.

O casamento homossexual será "um progresso não só para alguns, mas para toda a sociedade", declarou o Presidente francês, François Hollande, no dceorrer do Conselho de Ministros. Uma das promessas da campanha do agoar chefe do Estado socialista antes das eleições incidia em aprovar o "casamento para todos" apesar de o país já permitir uniões civis entre pessoas do mesmo sexo, segundo a AFP. A ideia é agora dar os mesmos direitos dos casais heterossexuais aos casais homossexuais.

De acordo com os trâmites do Parlamento francês, o texto deve ser examinado e aprovado pela duas câmaras desta assembleia, a partir de janeiro, antes de poder entrar em vigor. Contudo, o projeto tem enfrentado numerosas críticas, uma vez que mais de mil autarcas assinaram uma petição contra esta mudança, segundo informou o site da BBC. Também ocorreram protestos em 75 cidades e a Igreja tambem já condenou o projeto de lei.

O Governo de Hollande pretende assim que a França se junte ao clube de países que já legalizaram o casamento entre pessoas do mesmo sexo, como sejam por exemplo Portugal, Espanha, Holanda, Bélgica ou Suécia.

Fonte: AQUI

Comentários