Rodrigo Maia e seu show de preconceito e despreparo no RJ TV

Rodrigo Maia no RJ TV (17/09/12)


Entrevista com o Rodrigo Maia no RJTV hoje foi hilária. Ele é candidato a prefeito. Tudo o que os jornalistas perguntavam, ele escorregava para não responder, mas eles insistiam e perseguiam uma resposta SIM ou NÃO. 

Entre as muitas bbquices que ele disse estavam a de que o Rio não precisa ser um dos melhores destinos gays do mundo, porque tem que ser melhor destino turístico para todo tipo de pessoa, mas esqueceu que todo o preconceito que ele tentava esconder atrás dessa frase só revelava sua ignorância (ou má fé), porque o turismo é feito de segmentos. Ser um dos melhores destinos gays do mundo atrai um poderoso segmento. Ser um dos melhores destinos para turismo esportivo do mundo atrai outro. Ser um dos melhores destinos para turismo ecológico atrai outro. E assim por diante. 

Ele demonstrou estar pessimamente informado, principalmente quando disse que o Rio não pode basear suas estratégias de turismo em turismo sexual. Ser o melhor destino gay do mundo não significa vender sexo. Significa - isso, sim - ser uma cidade amigável, que recebe bem o público LGBT, saber do que eles gostam em termos de entretenimento, cultura, esporte, etc. 

Mas, estando aliado a Garotinho, Rosinha, Clarissa Garotinho, e fundamentalistas evangélicos não podia dar em outra coisa que não fosse OBSCURANTISMO e ressentimento pelos avanços que a cidade e o estado do Rio de Janeiro têm conquistado. Rodrigo Maia demonstrou incompetência e insensibilidade. 

VOTE CONTRA A HOMOFOBIA. Não eleja candidatos com discurso que segrega, despreza minorias, etc. 

Rodrigo Maia, filho do César Maia, disse mais de uma vez, referindo-se aos LGBT, que ele tem valores e que o partido dele é um partido que tem valores. Valores de que tipo? Do tipo que demoniza a religião dos outros, despreza os direitos da mullher e dos LGBT, por exemplo? E quanto os LGBT? O que é que ele pensa que eles têm, senão VALORES! Só que esses valores não se baseiam em dogmas religiosos separatistas e aniquiladores da diversidade. Os principais valores são: igualdade e cidadania plena para todos, independentemente da orientação sexual, identidade de gênero ou outras diferenças. É muita ignorância ou muita má fé querer transformar direitos das minorias em moeda de troca ou cavalo de batalha para agradar reacionários, volto a dizer.

Comentários