MPF abre inquérito civil sobre livro que incita ódio aos homossexuais


MPF abre inquérito civil 

sobre livro que incita ódio aos homossexuais

Livro "A Estratégia - O plano dos homossexuais para transformar a sociedade" é vendido por R$ 28,00./Foto: Reprodução

O Ministério Público Federal solicitou inquérito civil público sobre o livro “A Estratégia – O plano dos homossexuais para transformar a sociedade”, de autoria do Reverendo Louis P. Sheldon. O parecer do procurador da República Sergio Gardenghi Suiama acata pedido da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT) que alega que a obra “perpetra uma inegável incitação ao ódio, ao preconceito e à discriminação com os homossexuais”.
No ofício, a entidade cita especificamente trechos do livro nos quais constam as afirmações: “Os promotores da estratégia, do plano homossexual, são pessoas cheias de ressentimento e ódio, misturados com autorrejeição e vergonha, e não desistirão até que tenham erradicado cada traço de moralidade e autocontenção” e “O problema não é simplesmente o tipo de sexo preferido pelos homossexuais, mas o estilo de vida que abraçam. Doenças, infecções, vícios em drogas e álcool, e ferimentos são comuns. Além disso, a evidência de disfunções sociais e emocionais é igualmente aterrorizante”.
A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão considerou cabível análise do material com vistas à tutela coletiva dos direitos fundamentais à honra e à dignidade das pessoas homossexuais. O MPF pediu ainda que a publicação de resposta coletiva dos homossexuais proporcional ao agravo encartada no próprio livro ou em jornal de grande circulação e indenização decorrente do dano moral causado à coletividade.
O livro foi lançado em março deste ano e trata-se, segundo a editora, de uma publicação de 288 páginas de análise de 33 anos do escritor sobre o tema.

Comentários

  1. O infeliz levou 33 anos pra escrever esse livro? Conclui-se que ele não deve ter feito outra coisa a não ser se preocupar com os órgãos sexuais alheios durante esses 33 anos.
    Interessante é notar que esse papo que "gay quer dominar a socidade" só existe na cabeça dos fundamentalistas, que não aceitam concorrência.

    Abraço e boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Kummitus. Ele deve pensar mais nos gays do que na própria mulher dele. kkkkk

      Abração,
      Sergio Viula

      Excluir

Postar um comentário

Deixe suas impressões sobre este post aqui. Fique à vontade para dizer o que pensar. Todos os comentários serão lidos, respondidos e publicados, exceto quando estimularem preconceito ou fizerem pouco caso do sofrimento humano.