Morre lésbica que foi a primeira astronauta americana


Sally Ride, Primeira Mulher Americana no Espaço, Deixou para Trás Parceira de 27 anos

Por Sergio Viula (com informações do The Huffington Post) - 23/07/2012

Sally Ride, lésbica e primeira astronauta americana


Sally Ride faleceu depois de uma batalha contra um câncer no pâncreas que durou 17 meses e trouxe à luz um fato pouco conhecido sobre a primeira mulher no espaço: seu relacionamento de longa duração com outra mulher, Tam O'Shaughnessy.
Tam O’Shaughnessy é citada como parceira de Sally Ride numa declaração oficial no Sally Ride Science e também identificada no site oficial de Sally Ride Science em uma breve biografia.
O relacionamento entre Ride e O'Shaughnessy é descrito numa entrevista com o casal, found on the Sally Ride Science site.
Sally Ride já havia sido casada (1982) com o colega astronauta Steven Hawley, mas aquela união acabou em divórcio em 1987, relata o ABC News.

Numa entrevista com Buzzfeed, Bear Ride, irmã de Sally, referiu-se a O'Shaughnessy as "como um membro da família”. Segundo ela, "As pessoas não sabiam que ela tinha câncer pancreático, e vai ser um grande choque. Por 17 meses, ninguém soube – e todos sabem agora. Seu fundo memorial será aplicado no combate ao câncer pancreático.”


Sally Ride

Bear Ride descreve a irmã como uma pessoa muito fechada. Ela ressalta que “a comunidade que luta contra o câncer pancreático ficará entusiasmada ao saber que agora existe essa defensora que eles não conheciam. E espero que a comunidade GLBT sinta o mesmo. Espero que isso facilite o crescimento das crianças gays ao saberem que outro de seus heróis era exatamente como elas."

Comentários