CUBA: Casamento entre pessoas do mesmo sexo mais perto

CUBA: Mariela Castro quer o casamento entre pessoas do mesmo sexo


Terça-feira, 17 Janeiro 2012 22:57Z


by PortugalGay.pt (Portugal)PortugalGay.PT

Conhecida pela "Primeira Filha de Cuba", Mariela Castro, filha de Raul Castro, e activista pelos direitos das pessoas LGBT em Cuba, quer apresentar uma proposta no sentido de legalizar as uniões civis entre pessoas do mesmo sexo no país.

Diz Mariela que a proposta está neste momento a passar por um aval jurídico, assim como está presente na agenda legislativa para este ano que agora se inicia.

Desde 1959 muitos foram as pessoas LGBT que foram prosseguidas durante a revolução, hoje existe uma maior tolerância, mas ainda existe um caminho bastante longo a percorrer na ilha das Caraíbas.

Em contraste com o passado, as paradas gay são um evento anual, o governo já financiou campanhas anti-homofobia, e paga as operações de redesignação de sexo de pessoas transexuais.

Comentários

  1. Eu acho ótimo que os gays cubanos possam se casar, mas será que isso não é manobra pra desviar a atenção do povo? Acho que antes de pensar nos gays, deveriam pensar no que acontece naquele país. É um país completamente falido, com um sistema socialista ultrapassado, onde falta comida para a população e o desemprego está em alta. Cuba não é uma Coreia do Norte, mas trabalha do mesmo jeito.

    ResponderExcluir
  2. Eu também acho que Cuba tem muita coisa pra resolver até poder ser considerado um país de 'primeira linha,' mas uma coisa não exclui a outra, e ambas podem seguir juntas. Uma coisa precisamos reconhecer: é uma mudança fantástica num país que costumava prender e torturar homossexuais. Só quem é cubano e gay pode dimensionar a importância dessa conquista.

    De qualquer modo, os brasileiros costumam romantizar o sistema cubano. O Castrismo foi apenas mais um messianismo político-econômico. No entanto, uma coisa é certa: Cuba só não está em condição melhor por ter perdido o apoio financeiro outrora garantido pelos soviéticos, somado-se o bloqueio econômico promovido pelos EUA. Capacidade intelectual os cubanos têm de sobra. E com a abertura que vem sendo feita no país, eles têm grandes chances de se tornarem um dos melhores lugares para se viver dentro de alguns anos. Aguardemos. ;)

    Obrigado pelo comentário, Kummitus.

    Abração, querido.

    Sergio Viula

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe suas impressões sobre este post aqui. Fique à vontade para dizer o que pensar. Todos os comentários serão lidos, respondidos e publicados, exceto quando estimularem preconceito ou fizerem pouco caso do sofrimento humano.