Silas Malafaia com problemas no Ministério Público

Malafaia esta com problemas na justiça…

“A procuradora Ana Carolina Araújo Roman, do MP (Ministério Público) em Brasília, abriu inquérito para apurar se foram homofóbicas as afirmações do pastor Silas Malafaia em maio de 2010.
Durante uma audiência pública sobre o Estatuto das Famílias na Câmara dos Deputados, o pastor da Assembleia de Deus, da subdenominação Vitória em Cristo, se opôs com veemência (como é de seu estilo) à união civil de casais homossexuais. 
Afirmou que se a relação homoafetiva for legalizada, “tudo o que se imagina” poderá ter o respaldo da lei, incluindo a necrofilia e a zoofilia.  “Quem tem relação com cachorro, vamos botar na lei. É um comportamento, ué, vamos aceitar. Quem tem relação com cadáver, é um comportamento, vamos botar na lei.” 
O Ministério Público vinha examinando o caso desde aquela época. Em fevereiro deste ano ( 2011 ), a procuradora Ana Carolina transformou as investigações em inquérito.
Malafaia se destaca pela sua pregação e militância ultraconservadora, principalmente em relação aos homossexuais. Em outubro de 2010, ele distribuiu no Rio de Janeiro 600 outdoors com a inscrição: “Em favor da família e preservação da espécie. Deus fez macho e fêmea”.
O Ministério da Justiça abriu um processo que pode resultar na primeira reclassificação de um programa evangélico, o “Vitória em Cristo”, apresentado pelo pastor Silas Malafaia, da Assembléia de Deus, que passaria a ser impróprio para antes das 20h.
Para o governo,o programa contém “linguagem depreciativa e conteúdos verbais que expõem lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros a situações humilhantes ou degradantes”.”

Comentários