Colunista da Folha fala de machismo no BBB, submissão feminina e de Daniel (único gay assumido que ainda está no BBB 11)

Daniel: contestação do machismo e do desprezo pela mulher por parte dos brothers do BBB 11


NINA LEMOS
COLUNISTA DA FOLHA

"Só tem viado aqui dentro". A frase não foi dita no "Big Brother" por nenhum integrante do grupo dos "machos alfa", mas por Daniel, o único gay assumido que continua no programa. Se o BBB do ano passado foi marcado por brigas entre gays, simpatizantes e homofóbicos, o desse ano expõem outro conflito (muito parecido): o entre homens machistas e mulheres.

Daniel, quando chamou os caras de "fracos", explicitou a guerra. E mostrou que é ele o homem da casa que realmente ama as mulheres (fato que nada tem a ver com orientação sexual, como se sabe.)

Sim, porque o "viado" a que Daniel se refere não é o homem gay. Mas o machão que não sabe lidar com moças, as trata mal e, por vezes, as odeia.

"Não torço para esses homens uós. Se eles ganharem, vão botar para ferrar com as empregadas deles. O Diogo briga com mulheres. Não posso aceitar essas humilhações que ele faz".

Frederico Rozário/TV Globo

O gay Daniel diz que "só tem viado" no "BBB11"

Diogo, para quem não assiste ao programa, já chamou uma das participantes de "gorda nojenta" e de "balofa". Adriana, de quem ele era "amigo" já foi chamada de "songa". "Eu cuspo em mulher, grito", disse certa vez o exemplar mais ogro do grupo.

O "amigo gay" das moças não foge da raia. Pelo contrário: as defende com "macheza". Desde que a tal garota foi chamada de "gorda nojenta", nunca mais deixou de votar em Diogo.

O curioso é que as meninas, que, sim, já chamaram os homens de machistas e também formaram um bloco, não votam contra os caras que as maltratam. Talvez por medo, por não resistir a um afago ou por estarem acostumadas a levarem patadas de homem na vida real e acharem que é assim mesmo.

Depois de discutir com os homens, elas não suportam o tranco e acabam pedindo desculpas para os machos feridos usando chavões do estilo "eu exagerei, estava nervosa. Desculpe." A culpa é sempre da mulher, claro. E coitado do homem que ainda teve que lidar com essa louca!

Daniel é amigo dos machos, sim, e a convivência é harmônica. Mas ele é o único da casa que ainda não abaixou a cabeça para os rapazes fortes e pediu "desculpas por existir".

O grupo dos machos alfa tem tudo para chegar à final do programa (grande objetivo deles). Mas já está mais que provado quem é o "homem" da casa.

Comentários