Postagens

Postagem em destaque

Concurso de beleza Miss Estados Unidos recebe sua primeira candidata trans

Imagem
Concurso de beleza Miss Estados Unidos recebe sua primeira candidata trans


Por Josh Jackman
Para o PinkNews
11 de Setembro de 2017.

Traduzido e levemente adaptado por Sergio Viula






Anita Green (Facebook)

Anita Green fez história como a primeira pessoa transgênero a competir no Miss Estados Unidos.

A jovem de 26 anos quebrou uma barreira aparentemente intransponível no ano passado quando se tornou a primeira pessoa eleita como delegada nacional para uma convenção de nomeação durante as eleições presidenciais dos Estados Unidos.

Domingo passado, ela quebrou outro paradigma.
Green participou do Miss Montana USA, cuja vencedora automaticamente se qualifica para a competição nacional.

Antes do evento, ela disse: "Eu encorajaria o público a votar em mim porque eles estariam participando ativamente para fazer história."

“Nunca houve uma mulher abertamente transgênero que vencesse um título estadual dentro dos Estados Unidos."

“Eu me sentiria honrada em ser a primeira!”

Infelizmente, Gree…

Parada LGBT de Copacabana é adiada

Imagem
Por Sergio Viula



A notícia veio pelo blog do Ancelmo: A parada foi adiada de 15 de outubro para 15 de novembro.

O bispo eleito prefeito do Rio está dificultando ao máximo a realização do evento que é o terceiro maior evento da cidade no calendário anual, perdendo só para o Réveillon e o Carnaval. 

Vejam a nota do Ancelmo na íntegra aqui: 
http://blogs.oglobo.globo.com/ancelmo/post/sem-apoio-da-prefeitura-parada-lgbt-de-copacabana-e-adiada.html?utm_source=Facebook&utm_medium=Social&utm_campaign=O%20Globo.

LGBT do Rio e do Brasil, uni-vos!

A exposição do Santander QueerMuseu

Imagem
Exposição Queer Museu no Santander Cultural em Porto Alegre (RS) (Reprodução/Facebook)


Por Sergio Viula


Pensei que estava na Idade Média de novo. Dizer isso já parecer jargão hoje em dia, mas é fato. O gritos de blasfêmia no meio de uma exposição de arte pareciam ecoar dos porões da Santa Inquisição. Com esses, vinham os gritos de pedofilia, visando claramente a mobilizar multidões através do pânico e do ódio. Tudo isso cheirava à lenha fumegante oriunda das fogueiras "santas", de quem não suporta ver um símbolo desconstruído, mas considera obra de deus queimar corpos vivos nas chamas do ódio fanático como era feito em praça pública.

Não, eu não estava assistindo a algum romance com temática medieval. Era só um vídeo clandestino feito por três patetas que aparentemente representavam o MBL (Movimento Brasil Livre) e que pegavam carona nas sandices ditas por fanáticos religiosos, extremistas de direita (não são melhores e nem piores que os extremistas de esquerda - todo extrem…

A crise na Venezuela e o HIV

Imagem
“Não há mais esperança na Venezuela", diz um militante que trabalha com HIV/AIDS, enquanto prateleiras vazias nas farmácias levam milhares a mortes desnecessárias.

A chamada vem de uma matéria escrita por Desiree Guerrero para o site da revista The Advocate.


06 de setembro de 2017
Traduzido e adaptado por Sergio Viula
Texto na íntegra em inglês aqui.


“Não tem nada a ver com política; é uma questão de vida ou morte. Estamos sendo perseguidos e estamos lutando por nossos direitos humanos, nossas vidas e nossa saúde", disse Mauricio Gutierrez ao NBC News

Gutierrez, um militante LGBT e assistente social de Caracas, diz que a trágica situação teve novas baixas e que os venezuelanos estão perdendo a esperança.

Devido a uma crise econômica que vem devastando o país desde 2015, remédios vitais estão em falta, incluindo antirretrovirais usados para tratar o HIV. Mas as lentas e esporádicas entregas que aconteciam dois anos atrás estão agora suspensas totalmente. Sem o suprimento de pr…

GloboNews: MARATONA SOMOS TODOS OS GÊNEROS - 10/09/17

Imagem
Imperdível, pessoal!

O canal GloboNews vai apresentar vários programas diferentes (seguidos!) sobre transgêneros. O nome da programação é MARATONA SOMOS TODOS OS GÊNEROS

Esse programa irá ao ar no domingo, 10/09/17, a partir das 13:05

Não perca!




Veja a chamada da Maria Beltrão, que também faz o Estúdio i.


Não estranhem a qualidade do vídeo. 
Ele foi feito com celular enquanto eu assistia o Estúdio i.

Corpo de Rogéria está sendo velado no Teatro João Caetano

Imagem
Por Sergio Viula

Rogéria - fonte: Glamurama/UOL


Morreu no Rio de Janeiro aos 74 a cantora e atriz Rogéria. 

Travesti orgulhosa de sua masculinidade que via a mulher que ela apresentava ao público como uma criação artística, Rogéria quebrava tabus por todos os lados.

Maquiadora, ela trabalhou com Bibi Ferreira, Elis Regina, Ângela Maria, entre outras.

Durante a ditadura no Brasil, Rogéria mudou-se para Paris. Posteriormente, ela ganhou fama no teatro, na TV, no cinema, na TV. Rogéria dizia, com a ironia que lhe era típica, que era a travesti da família brasileira.

Seu último trabalho foi no filme DIVINAS DIVAS, produzido por Leandra Leal para comemorar os 80 anos do Teatro Rival.

Rogéria vai deixar saudades.

Casal lésbico ganha mais de 3 milhões de dólares depois que o filho reclamado pelos pais biológicos foi assassinado pelo pai

Imagem
Casal lésbico ganha mais de 3 milhões de dólares depois que o filho foi reclamado pelos pais biológicos e assassinado pelo pai


O casal disse que o advogado agiu negligentemente em não suspender os direitos parentais dos pais biológicos

O casal pensava que estava começando uma família, mas os pais biológicos tinham outros planos.

23 de agosto de 2017
Por Joe Morgan Gay Star News Tradução: Sergio Viula



Um casal lésbico ganhou milhões de dólares depois que seu filho adotivo foi reclamado pelos pais biológicos e morto pelo pai;

Heidi e Rachel McFarland, do estado de Iowa, levaram o menino Gabriel, com quatro meses de nascido, do hospital para casa, acreditando que aquele seria o começo de sua família feliz.

Depois que o casal ajudou a cortar o cordão umbilical, elas passaram cada momento acordadas com Gabriel até que ele foi devolvido aos pais biológicos.

"Era como se ele soubesse instantaneamente", disse Rachel McFarland, "que nós éramos suas mães".

Mas apenas 11 dias antes q…

Protagonista trans na telona: Uma mulher fantástica.

Imagem
Atualização em 07 de setembro de 2017:
Já está em cartaz em 13 cinemas no Brasil.
Faixa etária: 14 anos.

Veja aqui: ingresso.com





Imperdível!

Pense num filme com uma protagonista transgênera. Pensou? Agora, imagine essa mulher trans perdendo seu parceiro e tendo que enfrentar a família dele até para garantir seu direito de sofrer o luto. Então, esse filme existe e será exibido nos cinemas brasileiros a partir do dia 7 de setembro. Trata-se de “Uma Mulher Fantástica”, vencedor do prêmio de Melhor Roteiro no Festival de Berlim 2017.

O longa conta a história de Marina, uma mulher trans. Quando seu parceiro morre, ela se vê diante da raiva e do preconceito da família dele. Ela luta por seu direito de sofrer - com a mesma energia ininterrupta que ela exibiu quando lutou para viver como uma mulher.

Dê uma olhada no trailer:


https://youtu.be/_5dwogj-5t8


Não perca a estreia, que será no feriado da Independência do Brasil.

Divulgue as fotos-chamadas para o filme em suas redes sociais, especialmente Face…

Austrália: Três drag queens metem a porrada em homofóbicos violentos

Imagem
Homofóbicos violentos tomam um pau bem dado por três drag queens australianas



Por Sergio Viula Com informações de Timothy Rawles Community Editor na SDGLN (San Diego Gay and Lesbian News)


Da esquerda para a direita: Ivy Leaguee, Coco Jumbo, e Vybe foram chamadas de "anjos".


Três drag queens australianas, conhecidas como Ivy Leaguee, Coco Jumbo, e Vybe, caíram no braço com agressores homofóbicos que bateram em um jovem. 
O rapaz teria defendido as drag queens contra as injúrias do grupo de homofóbicos.
As meninas decidiram não deixar barato para os espancadores.
Foto: Ivy Leaguee - Facebook
Ivy disse que "aqueles garotos se cagaram, pois não estavam preparados para algumas drag queens em cima deles". 
Ivan Flinn diz ter sido vítima de um ataque homofóbico na rua Oxford, em Sydney Foto: Benedict BrookSource: Supplied

De acordo com o LGBTQ Nation, Ivan Flinn (o rapaz de boné), 34, saiu de um bar na rua Oxford à meia-noite do dia 6 de agosto. Eles estavam num bairro predomina…

Escócia: Adoções por casais do mesmo sexo dobra em três anos

Imagem
Casais do mesmo sexo dobram número de adoções em apenas três anos na Escócia.

Por Sergio Viula Com informações de
Jessica Glass (Pink News)



Os números revelados esse mês demonstram que as adoções por casais homoafetivos na Escócia dobraram entre 2013 e 2017, informa Jessica Glass no site Pink News.
Foram 97 adoções por casais homoafetivos na Escócia até agora, o que pode indicar que a centésima adoção poderá ser anunciada ainda esse ano. As estatísticas vêm da National Records Scotland, que identificou um aumento no índice de adoções homoparentais de 4,4 % em 2015 4,4% para 5,7% em 2016. Enquanto em 2012/2014, foram apenas 14 adoções homparentais, em 2015/2016, esse número chegou a 30.
Casais homoafetivos passaram a poder adotar na Escócia em 2009, seguindo legislação semelhante na Inglaterra e no País de Gales em 2005. A República da Irlanda também aprovou a adoção homoparental, só que em 2015, com o significativo placar de 20 votos a favor e apenas 2 contra no senado.